Damares Alves vira “boi de piranha”dos Republicanos e pode deixar Bolsonaro como mentiroso

Por: Ivan Rodrigues

Damares Alves. Arquivo pessoal.

O presidente Jair Bolsonaro (PL) anunciou em sua tradicional live de quinta-feira (10/4), pelas redes sociais, o nome da ex-ministra-chefe da Secretaria de Governo, a deputada federal Flávia Arruda (PL), para concorrer ao Senado com suas bênçãos.

Acontece que o partido Republicanos, quinze dias depois (25/4), resolveu deixar Bolsonaro como mentiroso diante dos eleitores do Distrito Federal, e fez o lançamento da pré-candidatura da ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos Damares Alves (Republicanos) ao Senado pelo Distrito Federal causando a ira no chefe do Executivo Federal.

O lançamento de Damares Alves pelo (Republicanos) é tratado como um gesto de traição ao presidente e uso de Damares como “boi de piranha” para alcançar objetivos não Republicanos fora dos holofotes e dos eleitores.  

O presidente do (Republicanos-DF), Wanderley Tavares e o deputado federal Julio César ou querem ser maiores que Bolsonaro, ou simplesmente querem causar discórdia na aliança entre os chefes dos executivos federal e local, o que favorece a oposição que vem com Lula presidente.

Moral da história:

Republicanos!
Mostra tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Republicanos!
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim”

Comentários