Completa 5 dias o desaparecimento de técnica em enfermagem no DF. Veja também Talita Moreira de Souza foi encontrada esfaqueada e morta

Por: Redação

Danyanne da Cunha Januário da Silva, 35 anos, saiu de casa para cobrar uma dívida de um conhecido e desapareceu.

“Ela emprestou dinheiro para um conhecido. Ele falou para os dois se encontrarem perto de um casa de construção para pagar. Depois disso, ela sumiu”, narra a irmã de Danyanne, a empresária Dallas Brasil, 44 anos. O encontro foi marcado em frente à loja Madeireira Forte Lar, na Quadra 1 do Riacho Fundo I.

Leia também: A Secretaria de Segurança vai pagar R$ 10 mil reais por informações sobre homicídio de técnica de enfermagem

“Está demorando muito esse desfecho. Estão caminhando, mas não está dando em nada”, lamentou a irmã de Danyanne, a empresária Dallas Brasil, 44 anos. O caso é investigado pela 29ª Delegacia de Polícia (Riacho Fundo).

O carro de Danyanne foi visto circulando em Planaltina e Luziânia (GO), já após ela oficialmente ser dada como desaparecida, mas não é possível saber se era a profissional de saúde quem conduzia o veículo.

O delegado Lúcio Valente da 29ª Delegacia de Polícia (Riacho Fundo), que investiga o caso, informa que nenhuma linha de investigação é descartada.

Informações podem ser repassadas pelos telefones: 99144-5000 e 197 e também deixa nos comentários da matéria.

Telefones 29ª Delegacia de Polícia do Riacho Fundo

Plantão – 3207-8251
Plantão – 3207-8272

Comentários