Governo Ibaneis Rocha investiu mais de 90% das aquisições de medicamentos – Covid-19

Por: Redação

O governo Ibaneis Rocha adotou como estratégia para a prevenção, o tratamento e a profilaxia da Covid-19 no Distrito Federal, os vários produtos farmacêuticos, apesar de haver muitas controversas na utilização, vários estão na Relação de Medicamentos disponibilizados nas Farmácias da SES-DF à disposição do médico.

A estratégia do governo, embora criticada por contrários ao tratamento, segui no sentido de salvar vidas, dentro da visão defendida por vários profissionais da saúde, inclusive pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).

Leia também: A Lista da morte de Rollemberg † 874 vidas

O (CFM) defende que não há consenso para proibir o médico de prescrever o tratamento que julgar.

“Essa ideia de que a ciência já concluiu que essas drogas não têm efeito não é 100% verdadeira” Mauro Ribeiro presidente do CFM.

Os profissionais de enfermagem que acompanham os pacientes de Covid 24 horas por dia, relataram significativas melhoras de seus pacientes que fazem uso das medicações.

“Eu, mesma usei esses medicamentos quando me contaminei na UTI que trabalho. Acompanho pacientes e suas melhoras com o tratamento. É o que temos, não estou afirmando que é o melhor,” relata a enfermeira Lívia Pereira

Levantamento do portal S&DS, no Quadro de Detalhamento Despesa (QDD), mostra que a aquisição desses medicamentos (diversos) em 2020, para combate a pandemia da Covid-19 no DF, pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF), com montante total de (R$ 500 mil) em despesa autoriza teve (R$ 410 mil) liquidados com os produtos farmacêuticos.

O renomado cardiologista da SES-DF, ouvido por S&DS, Allan Duailibe, vê que o governador Ibaneis está colocando à disposição da classe médica e da população todas as armas no combate a Covid.

“O médico tem autonomia para prescrever o tratamento adequado, baseado nas evidências,” reforça Duailibe. 

Comentários