Para 2016, GDF reduz recursos para reforma de terminais rodoviários

Terminal rodoviário do Setor Sul Gama-DF

Terminal rodoviário do Setor Sul Gama-DF

Os dados levantados pelo mandato do deputado Chico Leite apontam, ainda, que, em 2015, o governo aplicou apenas 11,85% do orçamento disponível para melhoria dos terminais

No ano passado, a imprensa divulgou diversas reportagens sobre o atraso do GDF em concluir obras de reformas nos terminais rodoviários do Distrito Federal. Em levantamento realizado pelo mandato do deputado Chico Leite (Rede), ficou constatado que o governo destinou, em 2015, mais de R$ 40 milhões para as reformas. Entretanto, apenas R$ 7,9 milhões foram empenhados e pouco mais de R$ 4,7 milhões foram liquidados. Ou seja, apenas 11,85% do orçamento autorizado.

Atualmente, o Distrito Federal conta com 31 terminais rodoviários. Até dezembro do ano passado, oito deles estavam com obras em atraso. Em algumas unidades faltavam materiais para construção do estacionamento e detalhes do acabamento.

 “A maior preocupação é sobre o quanto isso afeta a vida do cidadão que necessita todos os dias do serviço. Além disso, temos também os funcionários dos terminais, que necessitam de estrutura adequada para trabalhar”, destacou Chico Leite.

De acordo com o levantamento do mandato do deputado Chico Leite, também ocorreu uma queda no orçamento autorizado para este ano. O orçamento autorizado até o momento é de R$ 6,7 milhões. Desse valor, R$ 3,6 milhões foram empenhados, mas até agora nada foi liquidado com o serviço.

Os dados estão disponíveis no Sistema Integrado de Gestão Governamental (SIGGO).

Leave a Comment