Prepare o bolso, o petróleo ultrapassa US$ 100 com a invasão da Rússia na Ucrânia – Petrobras

Por: Redação

A invasão da Ucrânia pela Rússia deve ter implicações de longo alcance para os mercados de energia, dado o papel de Moscou como o segundo maior produtor mundial de gás natural e uma das maiores nações produtoras de petróleo do mundo.

Portal https://www.emdefesadasaude.com.br
Gasolina e Gás
Portal https://www.emdefesadasaude.com.br
Gasolina e Gás

Os contratos de petróleo Brent subiram mais de 8,5%, sendo negociados a US$ 105,08 o barril durante as negociações do início da tarde desta quarta-feira.

O que fará a Petrobras com o barril sendo negociado acima de US$ 100 pela primeira vez desde 2014, como sempre repassar o aumento para o consumidor. A empresa poderá reduzir os ganhos para manutenção dos preços internos? A estatal já comunicou ao presidente Jair Bolsonaro (PL) a impossibilidade de manutenção ou redução no atual cenário internacional. 

Comentários