Adiamento com condição – Bolsonaro só se filiará ao PL com garantias de assumir a presidência do partido

Por: Redação

Presidente Jair Bolsonaro e Valdemar Costa Neto presidente nacional do PL

O presidente nacional do PL, Valdemar Costa Neto, informou em nota nesta domingo (14) que a filiação do presidente Jair Bolsonaro na agremiação partidária, anunciada para o dia (22/11), foi adiada, sem uma nova data para abonação da ficha de filiação. A nota afirma ainda que a decisão foi tomada em comum acordo entre Bolsonaro e o presidente do partido após “intensas trocas de mensagens” nesta madrugada.

Mas o ponto de discórdia chama-se Flávio Bolsonaro, que tem feito pressão para que seu pai só se filie ao PL, na condição de assumir a presidência nacional da legenda, conforme investigou o portal.

Valdemar é um político capa preta, sabe que se entregar o partido aos ‘bolsonaros‘ é uma situação sem volta sobre aquilo que sempre comandou com mãos de ferro.

“É pegar ou largar – Bolsonaro não pode ficar nas mãos de um condenado (Valdemar Costa Neto) no julgamento do mensalão pelo Supremo Tribunal Federal (STF)“.

Situação que seu adversário, o ex-presidente Lula, segundo colocado nas pesquisas, saberá explorar muito bem.

Comentários