Mãe permitiu que o namorado matasse sua filha de dois meses

Por: Redação

Tiffany Tate, 22 anos, fez vista grossa ao abuso de Michael Roe e permitiu a morte de sua filha Holly, de oito semanas.

Tiffany Tate ‘permitiu’ que seu parceiro abusasse de sua filha. Crédito: EDDIE MITCHELL. Michael Roe foi considerado culpado de matar sua filha. Crédito: eddie mitchell

Roe, 32 anos, sacudiu a criança até a morte depois de assistir pornografia e fumar um baseado de maconha em seu galpão cheio de brinquedos sexuais.

Michael Roe

Ele está hoje, enjaulado para o resto de sua vida, mínimo de 19 anos depois de ser condenado por assassinato no Tribunal da Coroa de Hove.

Tate, que chorou depois de ser considerada culpada de permitir a morte de sua filha, foi condenada a dois anos e nove meses.

Tiffany Tate

O juiz Edward Murray disse a Tate:

“Você sabia que ele a tinha machucado seriamente antes de finalmente matá-la. Quando você a carregou-a para o quarto cima, ela já estava morta ou em coma para morrer logo depois. Você esperava que ela se recuperasse como das agressões?”

Ele acrescentou: “Holly estava claramente sofrendo até morrer. Você tinha a posição de confiança mais alta possível em relação a ela.”

Voltando-se para Tate, o juíz disse ainda que ela sabia que Roe era “potencialmente perigoso” para Holly.

“Você não tomou medidas para protegê-la de danos físicos. Se você não tivesse permitido, a bebê Holly não teria sido assassinada” Sr. Juiz Edward Murray

Tate disse à polícia que achava que seu bebê estava absolutamente bem poucas horas antes de morrer. Crédito: Facebook

Tiffany Tate tinha apenas 19 anos quando foi morar com Michael Roe. Ele assumiu as alimentações noturnas da criança, já que Tiffany Tate não tinha paciência com Holly, ouviu o tribunal. Roe fumava pelo menos dois baseados de maconha todas as noites.

Os serviços de emergência foram acionados na madrugada de segunda-feira de 10 de setembro de 2018, após o casal relatar que ela estava com dificuldades respiratórias.

Holly foi encontrada com frio, sem respirar e sem atividade cardíaca, disse a Sra. Howes.

Os paramédicos lutaram para salvá-la antes que ela fosse levada para o Hospital Pembury em Tunbridge Wells, onde foi declarada morta.

Holly, de oito semanas, sofreu sérios ferimentos na cabeça em três ocasiões diferentes antes de sua morte e 12 fraturas de costelas.

Os exames pós morte mostraram várias e severas lesões em seu corpo minúsculo.

Tate foi condenada por fechar os olhos ao abuso de Roe
Roe foi condenado por assassinato após julgamento

Comentários