Mãe mata filha de 4 anos e em seguida comete suicídio

23 de Junho de 2020

Fabiana andava depressiva, se culpando por ter tido uma filha com mais de 40 anos. A história foi confirmada pela irmã de Fabiana, Jaqueline Fernandes

Fabiana Aparecida Fernandes Teixeira Nascimento, de 46 anos, matou a filha e em seguida tirou a própria vida em Sete Lagoas, na região Central de Minas Gerais, na manhã dessa segunda-feira (22). De acordo com a Polícia Militar, Fabiana, utilizou um revólver do marido para matar Laura, de 4 anos, e depois cometer suicídio.

O crime ocorreu no bairro Nova Cidade, quanto mãe e filhas estariam sozinhas em casa. O marido da vítima, Darlys Nascimento, disse que encontrou as duas sem vida, por volta das 10h30, e acionou os militares. Segundo a PM, a mulher deu um tiro na filha e depois na própria cabeça. O revólver, segundo os militares, é do cônjuge, não sendo informado se o mesmo possuía porte de arma de fogo.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado e confirmou os óbitos no local. Darlys Nascimento teria saído de casa por volta das 9h para resolver questões particulares. Em casa, ele deixou a mulher, a filha e outros dois filhos, de 19 e 14 anos. Ao voltar, por volta das 10h30, encontrou os filhos chorando, na entrada da casa.

Fabiana pediu aos filhos para irem ao supermercado e quando voltaram encontraram a porta do quarto trancada. Os dois filhos resolveram arrombar a porta do quarto, quando se depararam com a mãe e sua irmã de 04 anos já sem vida.

Leave a Comment