Termo de Consentimento Informado para Amputação de Membros – diabéticos amputação de dedos, pés, pernas

Por: Ivan Rodrigues

Os diabéticos são mais vulneráveis à amputação de membros inferiores, pois o Diabetes Mellitus é uma doença metabólica crônica se caracterizando por uma variedade de complicações, entre as quais se destaca o pé diabético, considerado um problema de saúde grave e com consequências muitas vezes devastadoras diante dos resultados das ulcerações, que podem implicar em amputação de dedos, pés ou pernas.

A neuropatia diabética, que é quando os nervos responsáveis pela nossa sensação de dor e tato estão afetados pelo diabetes, pode causar perda da sensibilidade protetora dos pés, deixando-os mais sujeitos a machucados, feridas ou até mesmo amputação de parte dos membros inferiores.

Foto: portal Saúde & Direitos Sociais

O diabetes mellitus (DM) é um dos problemas de saúde mais importantes da atualidade, por ser uma doença com elevada morbidade e mortalidade. É uma doença crônica, autoimune, caracterizada pela deficiência da produção de insulina pelo organismo. O problema envolve o metabolismo da glicose no sangue, podendo ser apresentado de várias maneiras.

Diabetes tipo 1 é em geral abrupta, acometendo principalmente crianças e adolescentes sem excesso de peso. Na maioria dos casos, a hiperglicemia é acentuada, evoluindo rapidamente para cetoacidose, especialmente na presença de infecção ou outra forma de estresse.

O DM tipo 2 costuma ter início insidioso e sintomas mais brandos. Manifesta-se, em geral, em adultos com longa história de excesso de peso e com história familiar de DM tipo 2. No entanto, com a epidemia de obesidade atingindo crianças, observa-se um aumento na incidência de diabetes em jovens, até mesmo em crianças e adolescentes.

O diabetes apresenta alta morbimortalidade, com perda importante na qualidade de vida. Está associado à hiperglicemia e a um maior risco de eventos cardiovasculares, alterações renais e oftalmológicas, neuropatia periférica, úlceras e amputações de membros inferiores.

Úlceras de pés e amputação de extremidades são as complicações mais graves. Sua prevenção primária visa prevenir neuropatia e vasculopatia. O monitoramento de um conjunto de fatores que eleva o risco de úlcera e amputação de extremidades, tornando sua prevenção mais custo-efetiva.

O cuidado com o diabetes normalmente é complexo e demorado, baseado em muitas áreas do cuidado à saúde. As mudanças de estilo de vida necessárias, a complexidade do manejo e os efeitos adversos do tratamento fazem do autocuidado e da educação para as pessoas com diabetes peças centrais no manejo (coordenação do cuidado).

Anualmente devem ser reforçadas as medidas para o controle glicêmico, tanto não farmacológicas (dieta saudável, atividade física regular e cessação do tabagismo), quanto farmacológicas (adesão ao tratamento, uso de antidiabéticos orais e aplicação de insulina quando necessário).

Bibliografia Selecionada:

  1. Hirota CMO; Haddad MCL; Guariene MLDM. Pé diabético: o papel do enfermeiro no contexto das inovações terapêuticas. Cienc Cuid Saude. 2008; 7(1): 114 –120. Disponível em: http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/CiencCuidSaude/article/view/4955/3218. Acesso em: 29 julho 2015.
  2. Pharm H; Amstrong DG; Harvey C. Screening techniques to idenfity people at high risk for diabetic foot ulceration. Diabetes Care, 2000; 23: 606-11. Disponível em: http://care.diabetesjournals.org/content/23/5/606.long. Acesso em: 29 julho 2015.
  3. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. Diabetes. Disponível em: http://www.endocrino.org.br/diabetes/. Acesso em: 10 outubro 2014.
  4. Brasil. Ministério da Saúde. Estratégias para o cuidado da pessoa com doença crônica: diabetes mellitus. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. (Cadernos de Atenção Básica, n. 36). Disponível em: http://dab.saude.gov.br/portaldab/biblioteca.php?conteudo=publicacoes/cab36. Acesso em: 10 outubro 2014.
  5. Telessaúde RS. Materiais de Apoio. Diabetes Mellitus. Disponível em: https://plone.ufrgs.br/telessauders/materiais/publicacoes-dab-ministerio-da-saude/guias-de-referencia-rapida-subpav-rio/diabetes-mellitus/view. Acesso em: 10 outubro 2014.
  6. Brasil. Ministério da Saúde. Estratégias para o cuidado da pessoa com doença crônica: diabetes mellitus. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. (Cadernos de Atenção Básica, n. 36). Disponível em: http://dab.saude.gov.br/portaldab/biblioteca.php?conteudo=publicacoes/cab36. Acesso em: 10 outubro 2014.
  7. Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia. 10 Coisas que Você Precisa Saber Sobre Diabetes. Disponível em: http://www.endocrino.org.br/10-coisas-que-voce-precisa-saber-sobre-diabetes/. Acesso em: 10 outubro 2014.

Comentários