Quem se importa com a Amazônia?

23 de Agosto de 2019

pulmão do mundo

Foto: Carl de Souza/AFP
[email protected]&DS____________

Digo ao mundo que nós brasileiros, diferentemente de muitos políticos, nos importamos sim, com o pulmão do mundo.

O paciente, neste momento, apresenta febre de mais de 8.000 Kcal/m – não conseguindo fazer a troca gasosa de gás carbônico por oxigênio vital à nossa existência.

Sinais vitais do paciente Amazônia

• Solo comprometido – microrganismos, matéria orgânica, Nitrogênio orgânico e pH instáveis.
• Vegetação, morte seguida de tombamento de antigas e novas árvores.
• Vida silvestre, o fogo encurrala e mata centenas de animais, destruindo toda forma vivente.
• Ar atmosférico, monóxido de carbono, dióxido de carbono, hidrocarbonatos e partículas são lançados.

França

O presidente da França, Emmanuel Macron, considerou nesta sexta-feira que Jair Bolsonaro “mentiu” sobre seus compromissos ambientais, por isso se oporá à assinatura do tratado de livre-comércio entre União Europeia (UE) e Mercosul, indicaram fontes da presidência francesa.
“Dada a atitude do Brasil nestas últimas semanas, o presidente só pôde constatar que o presidente Bolsonaro mentiu durante a cúpula de Osaka” do G20, disseram as fontes.

Madri

Madri, 23 Ago (EFE) – Cerca de 200 manifestantes realizaram ato nesta sexta-feira contra o presidente Jair Bolsonaro, em frente a Embaixada do Brasil na Espanha, localizada em Madri, devido aos incêndios que estão ocorrendo na Amazônia.
O protesto foi convocado pelos grupos Extinction Rebellion España e Fridays For Future.

Irlanda

O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, alertou nesta sexta-feira que o governo irlandês se oporá ao acordo de livre-comércio entre União Europeia (UE) Mercosul caso o Brasil não proteja as florestas da Amazônia.
“De modo algum a Irlanda votará a favor do acordo de livre-comércio UE-Mercosul se o Brasil não cumprir os seus compromissos ambientais. Estou muito preocupado porque neste ano vimos níveis recorde de destruição nas florestas amazônicas pelo fogo”, afirmou em comunicado o chefe de governo.

Argentina

O Governo da Argentina ofereceu ajuda ao Brasil e à Bolívia para combater os incêndios florestais que afetam seriamente a Amazônia, informaram nesta sexta-feira fontes oficiais.
“O Governo argentino, ratificando o compromisso na luta contra a mudança climática e pela conservação da biodiversidade, ofereceu através do presidente da Nação (Mauricio Macri) a colaboração a nossos países vizinhos no combate dos incêndios florestais na Amazônia que afetam recursos importantíssimos para o cuidado da nossa casa comum”, indicou a Secretaria de Ambiente argentino em comunicado.

EUA

O governo americano está “profundamente preocupado” com os incêndios na Amazônia, disse nesta sexta-feira (23) uma autoridade da Casa Branca, conforme cresce a preocupação internacional com o número de queimadas na região neste ano.

Brasil

O presidente Jair Bolsonaro vai falar em rede nacional de televisão na noite desta sexta-feira (23) para apresentar medidas do governo a fim de tentar conter as queimadas na Amazônia.

Angela Merkel, da Alemanha; Emmanuel Macron, da França; Boris Johnson, do Reino Unido; e Justin Trudeau, do Canadá, se pronunciaram diretamente ou por meio de porta-vozes.

Leave a Comment