O governador Rodrigo Rollemberg procura um secretário de Saúde pra chamar de Seu

SIGGOJá alertará Maquiavel em [O Príncipe]. O conquistador, para conservar o poder terá duas regras a cumprir: primeira, “extinguir a linhagem do antigo príncipe; segundo, não modificar leis e impostos”.

A primeira regra continua em vigor no reino do governador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), não revogando a linha antiga. Sabe-se que a pasta da Saúde já teve os mesmos atores no comando, sendo o trunfo da derrota de seu antecessor.

Com a desistência, por questões de saúde, de Ivan Castelli, tido como certo a secretário de Saúde, o rei (Rollemberg), teve que às pressas escolher outro nome para a pasta. Já diz o ditado: “A pressa é inimiga da perfeição!”. Mas, só quem esta na situação sabe onde calo aperta.

O atual secretário de Saúde João Batista de Sousa, teve 72 horas, como já disse, para pensar sobre o convite do rei.

Topou a empreita! Mesmo desconhecendo os processos da máquina e quem é quem no jogo dos interesses na SES-DF. Ficou refém de seu grande ego e de informações desencontradas! Quem é sua equipe? Os de outrora! Vejo que também não leu [O Príncipe].

Na contramão do que diz Maquiavel, a equipe do governador Rodrigo Rollemberg, apresentou o documento denominado de Pacto por Brasília, que envolve o aumento de impostos.

O senador José Antonio Reguffe do (PDT-DF), soltou o verbo: “Se eu fosse distrital, votaria contra esses aumentos.

Passado um mês de seu governo, Rodrigo Rollemberg já sabe que a criatura voltou-se contra seu criador e a dor de cabeça esta apenas começando.

É governador! Como serão os cem dias (100) de governo na saúde?

Convém aqui recapitularmos algumas reflexões mentais da saúde de 2010 a 2014 ou não!

 Esperamos que em 2018 o rei não esteja nu!

Contas Abertas para vocês

Contas Abertas para vocês

SIGGO 02 SIGGO 03 SIGGO 04 SIGGO 05 SIGGO 06 SIGGO 07 SIGGO 08 SIGGO 09 SIGGO 10 SIGGO 11 SIGGO 12 SIGGO 13 SIGGO 14 SIGGO 15 SIGGO 16 SIGGO 17

Leave a Comment