Se Roriz ainda fosse vivo, em qual candidato ele votaria para governador em 2022?

Por: Redação

Governador Ibaneis Rocha (MDB) e Weslian Roriz em inauguração do complexo viário Governador Roriz

Único político a governar o Distrito Federal por quatro mandatos (16 anos), Joaquim Roriz (MDB), faleceu em 27 de setembro de 2018, aos 82 anos, após um choque séptico decorrente de complicações de infecção pulmonar.

Roriz afirmou que foi “expulso” do (PMDB), atual (MDB), partido de seu coração, em 2009, mas continuaria seu ‘apreço e admiração’ pela legenda e que um dia retornaria a seus quadros. Não teve tempo de vida para isso. “Isso não foi política, foi negócio, que vão ter que explicar,” afirmou.

Em 2010, o ex-senador Cristovam Buarque (PDT-DF) e os deputados federais Rodrigo Rollemberg (PSB-DF) e Tadeu Filippelli (PMDB-DF) montaram uma chapa única de ex desafetos, Filippelli que era homem de extrema confiança de Roriz, de quem foi secretário de Obras, deu novo rumo ao (PMDB) em coligação antagônica no DF.

Joaquim Roriz será sempre lembrado como o governador visionário do (PMDB).