Tesla: os investidores que enriqueceram graças às ações da empresa. E agora?

Por: Redação

Justin Harper

Da BBC News

Elon Musk.
As ações da empresa de carros elétricos de Elon Musk subiram mais de 700% em 2020. Getty Images

O incrível aumento no preço das ações da Tesla este ano criou um novo clube de ricos, que se autodenominam “teslanaires”, um jogo de palavras juntando o nome da empresa e “milionários” em inglês.

As ações da empresa de carros elétricos de Elon Musk subiram mais de 700% em 2020, tornando-a a empresa automobilística mais valiosa do mundo.

Mas tem sido uma viagem de montanha-russa para os investidores de longo prazo que colocam seu dinheiro na empresa, devido aos altos e baixos que as ações experimentaram desde que a empresa entrou no mercado de ações há uma década.

Para quem conseguiu superar a volatilidade, foi uma jornada para a riqueza.

Este mês foi um marco para a montadora ao entrar no S&P 500, índice de ações que inclui ações de empresas como Apple, Microsoft e Facebook.

As ações da Tesla subiram tanto que a empresa se tornou uma das dez empresas mais valiosas do índice.

E não só isso. As ações da Tesla estão agora com preços mais altos do que a avaliação combinada da General Motors, Ford, Fiat Chrysler Automobiles e Toyota. Ainda assim, a Tesla fabrica apenas uma fração dos veículos que seus rivais mais estabelecidos vendem há décadas.

“A Tesla é uma ação muito polarizadora. Ela tem seus fãs, muitos dos quais são proprietários de carros da Tesla, e muitos críticos, especialmente na comunidade financeira, que dizem que as ações da empresa estão supervalorizadas”, disse Will Rhind, CEO da empresa de investimento GraniteShares.

“Os investidores que compraram ações no início se saíram muito bem, e alguns agora são milionários como resultado.”

Tesla
Os críticos dizem que as ações da empresa estão supervalorizadas. Getty Images

Muito do crescimento no preço das ações da Tesla se deve ao aumento das vendas de carros, alimentado pela forte demanda da China e esperanças de subsídios para veículos elétricos.

A mudança para carros elétricos em todo o mundo colocou empresas automotivas como a Tesla em uma posição privilegiada. Muitos investidores também acreditam que um forte crescimento é esperado em outras partes dos negócios da Tesla, incluindo seu software de direção autônomo e baterias elétricas.

Uma empresa supervalorizada?

A Tesla abriu o capital em junho de 2010 com um preço de US$ 17 por ação. Esta semana, esse preço atingiu mais de US$ 650.

Com esse salto gigantesco no valor das ações — que também continuou a subir durante a pandemia covid-19 — os críticos de Tesla dizem que ela está supervalorizada.

Em um relatório divulgado no início de dezembro, analistas do JP Morgan observaram que usando virtualmente todas as métricas convencionais, as ações da Tesla “não estão apenas supervalorizadas, estão radicalmente supervalorizadas”.

Elon Musk.
A Tesla abriu o capital em junho de 2010 com um preço de US$ 17 por ação. Esta semana, esse preço atingiu mais de US$ 650. AFP

Mas outros especialistas em investimentos argumentam que a Tesla não deve ser vista como uma empresa automobilística.

“Parte do apelo da Tesla para muitos investidores é que a empresa é mais do que uma empresa automobilística e o sucesso de suas baterias abrirá muitos fluxos de receita”, disse Edward Moya, analista de mercado sênior da Oanda.

“Pense no papel que a Tesla está desempenhando na transição dos combustíveis fósseis para energia elétrica e armazenamento. Nesse sentido, a questão para os investidores hoje é: como você valoriza a tecnologia de amanhã?”

A Tesla também vende painéis solares e baterias de armazenamento para residências.

Os ‘teslanários’

Há um verdadeiro exército de fãs que acreditam fortemente na Tesla e preveem que o preço das ações continuará a subir, convencidos de que a empresa de Elon Musk tem um futuro brilhante.

Jason DeBolt
Legenda da foto, Desde 2013, Jason DeBolt comprou 15 mil ações que hoje valem mais de US$ 10 milhões

Um deles é o engenheiro de Los Angeles Jason DeBolt, que fez seu primeiro investimento na Tesla comprando 2,5 mil ações a um custo de US$ 19 mil.

“Comecei a investir na Tesla em 2013, depois de comprar um Tesla Model S e fazer um tour pela fábrica”, diz ele. Desde então, ele continuou a comprar mais ações, e as 15 mil que agora possui valem perto de US$ 10 milhões (mais de R$ 50 milhões).

Ele concorda que, como um investidor de longo prazo, está em uma montanha-russa e explica que “foi muito difícil ver a mídia atacar Elon e Tesla. Isso foi pior para mim do que a queda do preço das ações, já que eu sabia que ele (o preço) se recuperaria. “

DeBolt é membro da comunidade Tesla Shareholders’ Club e mantém contato regular com outros investidores por meio do grupo no Facebook.

Outra experiência é a de Scott Tisdale, que mora em Nova York. Ele começou a investir na Tesla quando viu o Model S pela primeira vez em 2013 e até agora acumulou cerca de 4 mil ações, cujo valor atual está próximo a US$ 2,8 milhões (mais de R$ 15 milhões).

Scott Tisdale começou a investir na Tesla em 2013
Legenda da foto, ‘Ainda não terminei de investir porque acho que a verdadeira história está para começar’, diz Scott Tisdale

“Ainda não terminei de investir porque acho que a verdadeira história está para começar, e as pessoas vêm dizendo que as ações estão sobrevalorizadas desde antes de eu começar a comprá-las”, disse Tisdale.

“É incrível pertencer a este grupo crescente de ‘Teslanaires’. É quase tão bom quanto dizer aos pessimistas que eu estava certo.”

E agora?

Especialistas dizem que é improvável que o preço das ações da Tesla tenha novo crescimento de 700% no próximo ano, o que limitaria o número de novos “teslanários”.

Eles também apontam para a crescente competição de empresas como a Apple, que reforçou seus planos de construir um carro elétrico com seus rivais chineses.

“A concorrência da Tesla tem bolsos maiores e pode correr riscos maiores”, explica Moya, da Oanda.

Por outro lado, os especialistas também alertam para o risco de colocar todo o dinheiro em uma única empresa e recomendam a aplicação dos recursos em empresas diferentes.

Comentários