Após tentativa de ataque contra o chefe do tráfico em Minas Gerais, PCC manda ‘Salve Geral’ para caçada ao grupo neonazista da região

Por: Redação

O grupo de neonazistas de Poços de Caldas em Minas Gerais, comprou briga com o Primeiro Comando da Capital no Sul de Minas, após seis integrantes tentarem atacar o chefe do PCC da região, conhecido como Negro Aço.

Negro Aço saia de um lanchonete, ontem, 03/02, por volta das 23h, quando o grupo de seis neonazistas, sem saberem de quem se tratava, partiu para cima de Aço, com soqueiras e tacos de baseball.

Aço foi defendido por integrantes de seu grupo, que estavam de posse de armas .40 situação que fez o grupo extremista sair correndo do possível confronto.

O PCC de Minas, em comunicado de ‘Salve Geral’, ofereceu recompensa para informações que levem ao grupo que atacou um de seus líderes na cidade. 

  

Comentários