Carta aos abolicionistas – Sérgio Camargo, o negro, receberá 50 chibatadas em praça pública

Por: Ivan Rodrigues

Ivan Rodrigues
Sérgio Camargo, presidente da Fundação Palmares chegando para almoço com o presidente Jair Bolsonaro. Sérgio Lima/Poder360

O novo capitão do mato, Sérgio Camargo, o serviçal dos ‘bolsonaros’, encarregado pelo papel de tentar desconstruir a história dos negros do Brasil, será açoitado em praça pública, assim como se fez no passado, com seu tataravô e tataravó.

Informo aos abolicionistas que este negro (Sérgio Camargo), após 130 anos do fim da escravidão, tenta começar um novo movimento escravagista, em pleno 2021, para escravizar os irmãos livres, situação que combateremos nas urnas.

Ao invés de promover a oportunidades para os negros, Camargo busca sua aceitação entre os brancos se comportando como tal, menosprezando nossas atuais lutas e a de vários abolicionistas.

Faço assim, o comunicado aos abolicionistas: André Rebouças, Luís Gama, José do Patrocínio e Joaquim Nabuco da medida necessária ao irmão Sérgio Camargo, para que possa encontrar-se consigo mesmo para um novo renascer. 

Comentários