Esquema milionário de desvio de órteses e próteses na SES-DF

O Brasil tem 43 milhões de brasileiros com deficiência

Prosus

Prosus

Segundo a Associação Brasileira de Ortopedia Técnica (Abotec), pouco mais de 20 milhões de brasileiros com deficiência, necessitam de alguma órtese ou prótese.

O custo elevado é o maior entrave no sistema de concessão de órteses e próteses. O atendimento pelo SUS não chega a 0,3% das pessoas que precisam de próteses.

Se não bastasse essa situação, o Ministério Público do Distrito Federal está investigando uma quadrilha de médicos (ortopedistas), da Secretaria de Saúde, que estariam se locupletando com desvio de órteses e próteses.

A quadrilha tem se valido da facilidade de acesso ao material e da fiscalização ineficiente. Um esquema de R$ 4 milhões foi desarticulado em 2011.

As ameaças que temos recebido dos lacaios do dinheiro público, na gestão do atual governador Agnelo Queiroz (PT), não nos intimidam, pelo contrário! Exerceremos nosso papel na defesa da saúde pública e dos que mais necessitam dessa saúde.

1 Comentário

Leave a Comment