Camming – Câmera Privê “Sexo ao vivo na webcam”

14 de Outubro de 2019

Pessoas que estão dispostas a se exibir sexualmente ao vivo por meio de webcams por dinheiro.

Camming é um ramo do mercado do sexo relativamente recente no Brasil, diferente de outros países, como na Europa e os Estados Unidos.

No Brasil, o Camming é o Câmera Privê, conhecido também como CP, um site lançado em 2013 e que se apresenta com a frase “Sexo ao vivo na webcam“.

O maior site da América Latina na transmissão de conteúdo erótico ao vivo, arrecada R$ 1.000,00 reais mensais, do policial militar do DF, M.P.F, que pede para não ser identificado.

M.P.F é casado e usa o serviço em um quarto de hotel na cidade do Núcleo Bandeirante em Brasília.

Após desabafar com um amigo da corporação, sobre minhas dificuldades com minha companheira, ele me apresentou o serviço. Já faço uso, aliás; estou viciado nisso há um ano e três meses.

No Brasil, o Câmera Privê tem cerca de 8 milhões de clientes cadastrados, dos quais 150 mil têm assiduidade mensal na compra de créditos que permitem serviços com preços variados, de shows exclusivos à possibilidade de controlar por meio de aplicativo um vibrador usado ao vivo pelos modelos – striptease, masturbação, diversos fetiches.

Recentemente, o policial buscou ajuda de um psiquiatra para “se libertar”, segundo o mesmo, da “psicose” da busca pelo serviço de sexo pela webcam.

Leave a Comment