Se eleitos, opositores de Ibaneis vão parar obras do DF para auditoria – retrocesso mental

Por: Ivan Rodrigues

Os candidatos ao governo do Distrito Federal, prometem, se eleitos, parar as obras do atual governador Ibaneis Rocha (MDB) para auditoria no primeiro dia de mandato

Reguffe, Leila, Paula e Izalci Lucas

Colocar como uma das principais promessas de um possível eventual novo governo, auditoria de todas as obras no primeiro dia de mandato só tem a demonstrar que os concorrentes não possuem um programa de governo consolidado e exequível desconhecendo os mesmos o papel dos órgão de controle e fiscalização como: Ministério Público, Ministério Público de Contas do Distrito Federal e Tribunal de Contas.

Para que serve mesmo a oposição na Câmara Legislativa do Distrito Federal? O papel precípuo de um parlamentar é fiscalizar os atos do Executivo, para isso há vinte e quatro (24) deputados distrital eleitos.

O DF virou um verdadeiro canteiro de obras, isso é inegável, talvez esteja aí a chave da inquietação daqueles que torcem para o quanto pior melhor com suas auditorias como plataforma de campanha.   

Parar o DF é parar o desenvolvimento, empregos e renda de milhões de brasilienses que direta ou indiretamente são beneficiados com as melhorias que Brasília vem sofrendo. 

Comentários