Vídeo disparos no rosto | Cirurgiã-dentista é morta por ex-companheiro em Sobradinho

Por: Redação

Osmar de Sousa Silva

Osmar de Sousa Silva, 36 anos, fugiu após o feminicídio da ex-companheira, a cirurgiã-dentista Thaís da Silva Campos, 27. O feminicídio ocorreu na noite desse domingo (20/6), em Sobradinho, no Distrito Federal.

O assassino já tinha passagem por Maria da Penha (ameaça), em 2016, registrada na 6ª Delegacia do Paranoá. “O casal manteve união estável por cerca de 5 anos. Da união, nasceu uma filha, hoje com 2 anos. Estavam separados havia cinco meses. E o autor não aceitava o fim do relacionamento”, disse o delegado-chefe da 13ª Delegacia de Polícia de (Sobradinho), Hudson Maldonado.

Thaís da Silva Campos

Ainda de acordo com o delegado, Osmar de Sousa “forjou” que entregaria a sua filha para a mãe da criança, mas ela havia sido deixada na casa do irmão, na cidade de Planaltina.

Comentários