Medicamentos: tocilizumabe e dexametasona reduzem em 50% mortes graves por Covid-19

Por: Ivan Rodrigues

Covid-19, Coronavírus

Os resultados de um ensaio clínico divulgado nesta quinta-feira no Reino Unido sugerem que a combinação de tocilizumabe, um medicamento usado até agora para tratar a artrite reumatoide, e um corticosteroide como a dexametasona, pode reduzir pela metade as mortes nos pacientes mais graves com Covid-19.

Esse efeito sobre a mortalidade foi identificado em pacientes hospitalizados com hipoxia – deficiência de oxigênio – e inflamação significativa que necessitaram de ventilação mecânica invasiva, de acordo com um comunicado emitida pelos responsáveis pelo teste Recovery, liderado pela Universidade de Oxford.

Comentários