Veja o que é #FATO ou #FAKE sobre Bolsonaro

Por: Ivan Rodrigues

REDAÇÃO – S&DS

Brasília – 13 de Novembro de 2020

Livre acesso de Wassef ao Palácio do Planalto

A infromação é #FAKE. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), não mantém privilégios para o advogado Frederick Wassef acusado de racismo contra uma funcionária de pizzaria em Brasília. Saiba porquê: Wassef sempre foi um admirador, desde a campanha eleitoral do presidente – assim como os demais que se aproximaram -, que costuma defender o presidente em entrevistas, mesmo não sendo o advogado constituído para tal.

Privatização do SUS

A declaração é #FAKE. De que Bolsonaro ia privatizar o SUS. Saiba porquê: “O pessoal falou que era privatizar, eu revoguei o decreto. Deixa. Quando tiver o entendimento do que a gente, de verdade, quer fazer, talvez eu reedite o decreto. Enquanto isso, vamos ter mais de 4 mil unidades abandonadas, jogadas no lixo sem atender uma pessoa sequer”, afirmou Bolsonaro.

O presidente fez a reedição do decreto que incluía as Unidades Básicas de Saúde no PPI em edição extra do Diário Oficial da União na noite de quarta-feira (28/10).

Eleição presidencial nos EUA

A informação é #FATO. Sobre o presidente Jair Bolsonaro ainda não ter parabenizado Joe Biden, presidente eleito dos EUA, por prudência. Saiba porquê: Os Estados Unidos não têm um órgão eleitoral oficial que decide e certifica os resultados das eleições nacionais como o Brasil — o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Cada um dos 50 Estados tem suas próprias regras eleitorais com prazos diferentes, o que tem causado a prudencia de Bolsonaro, diante da disputa está judicializada por Trump.

Zerar os impostos de Vitamina D e Zinco

A informação é #FATO. Que Bolsonaro quer zerar os impostos de Vitamina D e Zinco. Saiba porquê: Estudo em hospital mostrou que 80% dos pacientes internados por COVID-19 tinham deficiência de vitamina D.

Comentários