PMs do grupo de extermínio da cidade de São Sebastião serão julgados pelo Tribunal do Júri, amanhã 12/08/2019

11 de Agosto de 2019

Foto: Grupo secreto da PM-DF e Entorno – CPF cancelado

Julgamento foi transferido para Júri de Brasília a pedido do MPDFT

Os policiais militares Gilberto Duarte Rivaroli Filho, Silvio Bueno dos Reis, conhecido como “Cara de Rato” e Júlio César Ferreira de Carvalho serão julgados pelo Tribunal do Júri de Brasília, na próxima segunda-feira, 12 de agosto, às 9h. Eles são acusados da prática de triplo homicídio, em janeiro de 2006, em São Sebastião.

Os policiais foram denunciados por triplo homicídio qualificado – torpeza, crueldade e recurso que impossibilitou a defesa das vítimas. Eles são suspeitos de integrar grupo de extermínio na região e de envolvimento com o tráfico de drogas e armas.

De acordo com a denúncia, a residência de um policial militar aposentado foi invadida. Foram furtados sua arma de fogo e outros pertences. O policial passou a desconfiar que um grupo de três amigos fosse responsável pelo crime. Informados sobre as suspeitas, os policiais militares denunciados abordaram as vítimas e as levaram para as margens do Rio Jardim, sob uma ponte, em São Sebastião. No local, cobriram as cabeças dos jovens com suas camisetas e os executaram com tiros no crânio.

Na época do crime, os réus chegaram a ser presos, mas recorreram ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e foram liberados. Se forem considerados culpados, os policiais militares podem pegar penas que variam de 12 a 30 anos de reclusão para cada assassinato, além da perda do cargo.

 Processo: 20181210006520

Secretaria de Comunicação – Com informações do MPDFT

Leave a Comment