Por que estações do +Bike só no Plano Piloto de Brasília?

O governo de Brasília entregou, nesta terça-feira (22), mais duas estações de bicicletas compartilhadas na Asa Norte. Elas ficam nas Quadras 408/409 e 410/411, região próximo à Universidade de Brasília (UnB), onde há grande utilização desses veículos.

 


Com o reforço ao programa +Bike, a capital passa a contar, agora, com 47 estações de compartilhamento. De acordo com o secretário de Mobilidade, Fábio 
Damasceno, os pontos foram escolhidos em razão da alta demanda.

 

176.245 Número de pessoas cadastradas no sistema de bicicletas compartilhadas de Brasília até abril de 2018

 

Na região, é alta a concentração de estudantes que utilizam bicicletas para ir e voltar das aulas. “O que se observa, desde o lançamento do +Bike, é que esta região tem grande procura. Provavelmente haverá utilização elevada das novas estações, dentro de uma área que tem infraestrutura compatível com o sistema”, prevê.

 

Desde a implementação de cinco estações do programa na UnB, em agosto de 2017, a instituição tem contribuído para o crescimento significativo do número de viagens mensais do sistema de bicicletas. De janeiro a abril de 2017, foram feitas 68.406 viagens. No mesmo período de 2018, foram 109.160 viagens.

 

É na região da UnB que os usuários mais retiram e devolvem as bikes. Em abril deste ano, por exemplo, 20.59% das retiradas ocorreram por lá, a maior parte no Instituto das Artes. Em seguida vem a Rodoviária do Plano Piloto (14,19%) e depois o Espaço Brasil 21 (5%).

 

RETIRADAS
Abril de 2018
Estação %
UnB 20.59
Rodoviária 14,19
Brasil 21 5.00
Ministério da Saúde 2,82

 

No que diz respeito às devoluções, foi constatado que a maior parte dos usuários do sistema entrega as bicicletas também na região da UnB (25,68%), seguida da Rodoviária do Plano Piloto (16,55%) e do Brasil 21 (4,93%).

 

DEVOLUÇÕES
Abril de 2018
Estação %
UnB 25,68
Rodoviária 16,55
Brasil 21 4,93
Ministério da Saúde 2,57

Sobre o sistema de bicicletas compartilhadas no DF

 

O sistema de bicicletas compartilhadas tinha 176.245 pessoas cadastradas até a última atualização, em abril deste ano. Desde o início do programa até abril de 2018, foram registradas 945.262 viagens. Só neste ano, já foram 109.160.

 

A maior utilização do sistema, em abril, ocorreu nas segundas-feiras (17%), seguido de terça, quarta, quinta e sexta, com índice médio de 15%.

 

Aos sábados, esse porcentual caiu para 10% e, aos domingos, foi para 13%. O horário das 16 às 18 horas é o mais utilizado em qualquer dia da semana.

 

DA AGÊNCIA BRASÍLIA, COM INFORMAÇÕES DA SECRETARIA DE MOBILIDADE E SITE #SAÚDEDIREITOSSOCIAIS&INOVAÇÕES 

Leave a Comment