Vasectomia sem bisturi

A vasectomia sem bisturi é um procedimento permanente, 99% efetivo, que se realiza com anestesia local, utilizando uma pequena pinça que localiza e corta os canais deferentes por onde passam os espermatozóides, que – ao não sair mediante a ejaculação – são absorvidos pelo organismo.

O procedimento dura entre 20 e 30 minutos, não requer hospitalização e o paciente pode retomar às suas atividades normais em uma semana, em oposição à histerectomia, cirurgia anticoncepcional para as mulheres, que é mais dolorosa e exige maior tempo de recuperação.

O homem deve ter de cinco a sete dias de abstinência sexual para verificar que não houve complicações.

Se tudo for como o planejado, o paciente tem que esperar por 25 ejaculações ou por três meses antes de poder realizar a atividade sexual sem proteção, “com a certeza que não haverá uma gravidez. Homens com vários casais sexuais devem usar preservativo pois a vasectomia não protege de DSTs.

A vasectomia sem bisturi aumentou na última década principalmente no México em homens entre 30 e 40 anos. Anualmente se registram entre 15 mil a 20 mil procedimentos de maneira gratuita nas instituições públicas de saúde.

Ainda que este procedimento seja de caráter definitivo, o paciente pode revertê-lo em hospitais privados com uma microcirurgia.

 

Ivan Rodrigues é enfermeiro e blogueiro pelo simples prazer de informar.

Leave a Comment