Por que o Instituto Hospital de Base do Distrito Federal precisa dar certo

Os ex-admitidos na Fundação Hospitalar do Distrito Federal (FHDF) eram pelo regime celetista, que somente foi convertido para o estatutário com o advento da Lei Distrital n.º 119, de 16 de agosto de 1990.

A Fundação Hospitalar nesse período sempre foi tida como de excelência, tanto por seus trabalhadores, quanto pela população atendida.

Não é o regime empregatício que fragiliza a qualidade da assistência, se assim fosse, ninguém recorreria aos serviços privados de regime contratual celetista.

Não é uma defesa de modelos de assistência pública ou privada, mas sim, o reconhecimento do que já deu certo outrora e poderá ter êxito novamente.

Após muitos debates [deputados distritais], embates [sindicatos e governo] e audiências [população e interessados], a Câmara Legislativa aprovou, no dia (20/06) em primeiro e segundo turnos o projeto de lei nº 1.486/2017, que autoriza o GDF a criar o Instituto Hospital de Base do Distrito Federal (IHBDF).

Se os deputados distritais são a representação da vontade popular dos eleitores do Distrito Federal, creio que os mesmos votaram em conformidade com os anseios de seus eleitores.

Neste terrível momento de desassistência, falta de gestão, informação e transparência na saúde pública de Brasília, torcer contrariamente ao recém-criado Instituto Hospital de Base do Distrito Federal (IHBDF) é ser contrário ao direito dos usuários que elegeram seus representantes [deputados distritais] para proporem melhorias na saúde, educação, segurança dentre outros.

Fonte: MPDFT

A Diretora Geral do Hospital de Base, Drª Julister Maia de Moraes, em ofício Nº 677/2017-GAB HBDF, atendendo a solicitação do senhor presidente do Conselho de Saúde do Distrito Federal, Helvécio Ferreira da Silva, encaminhou a lista dos medicamentos e materiais “com estoque zerado na Farmácia Central, bem como no Almoxarifado Central”, no mesmo expediente, o Colegiado Gestor decidiu, por unanimidade, pela proposta de fechamento de leitos de internação e consequentemente contingenciamento das cirurgias eletivas.

Helvécio Ferreira encaminhou o expediente aos órgãos de fiscalização e controle para ciência e providências imediatas reunindo-se com os mesmos e conselheiros de saúde para tratativas de soluções.

Se “todo o poder emana do povo”, deixe-o escolher qual o melhor modelo de assistência que atenda às suas necessidades.

Por que o Instituto Hospital de Base do Distrito Federal precisa dar certo?

Por que estamos envolvidos com a maior obra do criador, a vida humana. 

o Instituto Hospital de Base do Distrito Federal (IHBDF). o Instituto Hospital de Base do Distrito Federal (IHBDF).   

Leave a Comment